Descubra 6 vantagens da cremação

Descubra 6 vantagens da cremação

Será que é possível encontrar algum ponto positivo quando se trata da morte? A resposta, na maioria das vezes, é não, porém, é concebível citar as vantagens da cremação como uma forma de apoio a quem busca uma despedida de qualidade. Todos sabem que quando uma pessoa importante morre, é comum que as pessoas próximas passem por um período de muita tristeza. Tudo isso faz com que alguns pontos importantes acabem ficando de lado, como a escolha entre o sepultamento e a cremação. Diante disso, será apresentado mais detalhes sobre a cremação, mostrando o seu conceito, com intuito de zerar todas as dúvidas sobre este ritual de passagem utilizado há bastante tempo. Além disso, você também verá seis vantagens de escolhê-la, então é muito importante que a leitura seja feita até o final. O que é cremação? Antes de mostrar as vantagens da cremação, conheça um pouco sobre a sua história. Pois dessa forma você conseguirá quantificar a importância que esse ritual sempre teve para os povos do presente e do passado. Para se ter uma noção, os primeiros relatos encontrados sobre cremação datam 3 mil anos a.C., sendo que após esse período, uma disseminação aconteceu pela Europa, até chegar no ocidente. No oriente a prática começou a ser muito utilizada por intermédio do budismo. Para a maioria dos povos da época, a cremação era um ato de respeito ao cadáver, servindo como combustível para as crenças místicas da época. Então, aqueles que tivessem tido uma vida digna, seriam presenteados com esse tipo de “despedida”. Agora, caso a pessoa tenha cometido algum crime, o corpo era enterrado e sepultado....
Quais órgãos podem ser doados após a morte encefálica?

Quais órgãos podem ser doados após a morte encefálica?

É muito comum que surjam dúvidas em relação aos órgãos que podem ser doados quando a família decide realizar a doação. O motivo pode estar ligado ao fato de que algumas doenças apresentam restrições, como é o caso da morte encefálica. Mas será que quando uma pessoa venha a falecer por esse motivo é possível doar boa parte dos órgãos? Como é possível deixar registrado, em vida, que você deseja ser um doador de órgãos quando a morte chegar? Foi com base nesses questionamentos que o desenvolvimento desse texto foi feito. Então, você poderá ter uma visão mais clara sobre os processos de doações de órgãos e também o que pode ser feito no caso da morte encefálica. Como funciona a doação de órgãos no Brasil? O Brasil, de acordo com o Ministério da Saúde, é visto como referência no transplante de órgãos, possuindo o maior sistema público de transplante do mundo. Além disso, o país também ocupa a segunda posição mundial como transplantador. O seu funcionamento acontece quando algum potencial doador é encontrado e o órgão seja compatível com a pessoa que possui a necessidade dele para a sobrevivência. Todas as etapas dão início após um diagnóstico médico definido por meio da Resolução CFM nº 1480/97. Pra ser um doador de órgão não precisa de nenhum processo burocrático. Basta deixar a família ou pessoas próximas cientes da decisão. Pois serão eles que irão assinar a documentação que irá liberar a doação dos órgãos. Quais pacientes são potenciais doadores? Somente após o diagnóstico médico é que os pacientes serão considerados ou não aptos para a doação. Mas, de uma...
10 mitos e verdades sobre cremação

10 mitos e verdades sobre cremação

A cremação, para muitas pessoas, ainda tem o seu processo desconhecido. Diante disso, é muito comum que surjam muitos mitos e verdades sobre ela. O Brasil, apesar de já ter essa modalidade faz tempo, ainda não a tem como uma prioridade. Isso também pode ter ligação com as histórias que são contadas sobre a cremação, incluindo também questões religiosas. Para que grande parte dessas histórias sejam desmistificadas, o presente artigo vai contar, por meio de 10 afirmações, o que é verdade e o que não é diante de tantas especulações. Quais as etapas da cremação? Antes de apresentar os 10 mitos e verdades sobre a cremação, é importante entender todo o processo. Isso fará com que as etapas fiquem claras, fazendo com que algumas histórias já sejam desmistificadas. Veja então como a cremação funciona: Processo de despedida do falecido A primeira etapa não é diferente do sepultamento, então a família terá um período para realizar a cerimônia de despedida. É claro que um pode seguir de uma forma, seja ela o velório tradicional ou qualquer outro tipo de evento. O ideal é que essa despedida seja feita para que todos possam dizer adeus ao ente querido, de uma forma geral. Pois, durante o processo de cremação, é comum que as famílias restrinjam a pequenos grupos, deixando só quem realmente era próximo do falecido. Algumas pessoas gostam de colocar músicas, vídeos e demais elementos que lembrem daquele que está partindo. Então, essa etapa será realizada de uma forma muito individual e seguindo diferentes padrões. Refrigeração do corpo Após toda a cerimônia, o corpo será levado para uma câmara de refrigeração....
Cinzas de cremação pet: homenagens para honrar o seu melhor amigo

Cinzas de cremação pet: homenagens para honrar o seu melhor amigo

Assim como os humanos, os animais também merecem ter uma despedida respeitosa. Saiba que muitas famílias já estão utilizando as cinzas de cremação pet para realizar lindas homenagens ao animal que está partindo. Mas para conhecer as melhores formas de despedir do seu amiguinho, será preciso entender o processo de cremação do pet para então direcionar as homenagens. Continue a leitura e descubra como todo o sepultamento é feito e também veja algumas dicas para utilizar quando o seu companheiro ou companheira partir. Como funciona a cremação pet? Os procedimentos para realizar a cremação pet são bem próximos dos aplicados nos seres humanos. No caso dos animais, existe a possibilidade de o processo acontecer em grupos, mas nesse caso as cinzas de cremação pet não serão devolvidas ao dono. Para entender um pouco mais, veja como cada etapa é realizada. Lembrando que as fases que serão apresentadas representam a cremação unitária. Então, nesse caso, os donos podem ficar com as cinzas. Confira: Cerimônia do adeus Essa etapa é feita quando os donos decidem ter um tempo a mais para despedir do animal. Então uma cerimônia é preparada e todos os membros da família aproveitam mais um pouco a presença do pet. As empresas preparam o evento e os donos levam flores, fotos, imagens e até vídeos dos momentos em que o animal estava vivo e dando alegria a todos. Tudo isso acontece antes do processo de cremação ser iniciado. Resfriamento do corpo do animal Após a cerimônia de despedida ou velório, o bichinho será levado para uma câmara de refrigeração. Ele permanecerá por 24 horas, até que seu corpo...
Luto pet: você sabia que os animais também sentem o luto

Luto pet: você sabia que os animais também sentem o luto

  Os animais também ficam tristes quando perdem alguém querido, o seu companheiro e tutor e, ainda, podem sofrer como os humanos. Você sabia que não são só as pessoas que sentem o luto, mas os pets também? Sim! Vários estudos comprovaram que os pets também sentem falta dos seus companheiros ou tutores e vivem o luto pet. Isso ocorre porque o luto pode ser sentido por qualquer ser vivo e não só os humanos. Ficou curioso para saber mais sobre isso e como passar por essa situação? Então, continue lendo que vamos contar tudo para você sobre o luto pet e como ajudar os animais de estimação nesse momento difícil! Tudo sobre o luto pet! A perda de um ente querido nunca é fácil e as pessoas precisam de um tempo para viver o luto delas. Assim, também é com os pets e animais, em especial para cães e gatos, que são os animais de estimação mais comuns entre as pessoas. Na maioria das vezes, quando a pessoa perde alguém, não pensa se ele tem um pet que possa estar triste e sofrendo com a perda do tutor. Por isso, é preciso também pensar nele e tentar ajudá-lo a passar por esse momento difícil. Dessa maneira, é preciso oferecer o melhor para o pet para que consiga passar pelo luto pet. Assim como para as pessoas que perderam um ente querido. Portanto, a perda do tutor afeta o pet tanto quanto as pessoas que perderam um familiar. Imagina como os cachorros ficam quando perdem o seu tutor, porque costumam ter um vínculo mais forte com eles e são...
O que a Bíblia diz sobre a cremação?

O que a Bíblia diz sobre a cremação?

A cremação não é considerada pecado, segundo a Bíblia, ela simplesmente é uma das formas de sepultamento que podem ser utilizadas para lidarmos com alguém amado que se foi. A cremação é muito usada em vários países e depende muito da cultura de cada lugar. Dessa forma, em alguns países, é utilizado mais a cremação e, em outros, o enterro. Porém, você sabe o que a Bíblia diz sobre a cremação? Ela é proibida ou não, segundo ela? Continue lendo que vamos responder todas essas questões e entender o que a Bíblia diz sobre a cremação. A Bíblia diz que a cremação é proibida? A Bíblia não é muito clara quanto a cremação, porque naquela época ela não era comum entre o povo de Deus, que preferiam o enterro. Porém, encontramos alguns casos nela. Como foi o caso em Josué 7:25 em que Acã e outras pessoas, que não cumpriram as ordens de Deus em uma determinada ocasião, e tiveram os seus corpos cremados como uma forma de punição. Outro exemplo é a cremação de Saul e seus filhos, em 1 Samuel 31:12, que foi rei de Israel, como uma maneira de respeito e consideração. Também encontramos na Bíblia trechos sobre quem fizesse parte de feitiçaria e ocultismos, que queimavam crianças em sacrifícios aos deuses (Deuteronômio 18:10), o que Deus considerava extremamente errado. Nesse caso a cremação é proibida. Mesmo com esses exemplos na Bíblia, a forma mais utilizada por ela, naquela época, era o sepultamento através do enterro e não da cremação. Esses enterros podiam ser feitos diretamente na terra ou em sepulcros construídos, considerados como um cemitério...